Fundação de Ciência e Tecnologia
Bem-Vindo!
4 de Abril de 2020, 11:59
Siga-nosCientec RSSCientec no Twitter
Página Inicial  >  Notícias  >  Estado inscreve maior volume d
Secretaria do Trabalho e Desenvolvimento Social
Brasão Governo do Estado do Rio Grande do Sul
Imprimir   Fechar
Notícias

Estado inscreve maior volume de energia em leilão de geração


Disputa será realizada pelo governo federal em março do próximo ano

por Jefferson Klein

   O Rio Grande do Sul foi o Estado que cadastrou o maior número de projetos e volume de energia para a disputa do leilão A-3 (três anos de prazo para construção das usinas), que será realizado pelo governo federal no dia 22 de março do ano que vem. Serão 141 empreendimentos participando do certame, que somam 4.695 MW de potência instalada.

   Para se ter uma ideia da grandeza desse patamar, a estimativa do Grupo CEEE é de que a demanda máxima gaúcha no verão chegará a 5.725 MW. Logo atrás do Estado em quantidade de projetos inscritos ficou a Bahia, com 131 usinas e 4.582 MW de potência instalada. Foram cadastradas pelo Rio Grande do Sul 135 projetos eólicos (3.299 MW), cinco pequenas centrais hidrelétricas (99 MW) e uma termelétrica a gás natural (1.297 MW). Esse último projeto pertence ao grupo Bolognesi e será desenvolvido no município de Rio Grande. A iniciativa prevê a implementação de uma termelétrica e de um terminal de Gás Natural Liquefeito, alcançando um investimento de cerca de R$ 2,2 bilhões.

   No total do Brasil, 598 empreendimentos foram inscritos na Empresa de Pesquisa Energética (EPE), somando potência de 25.850 MW. Do montante cadastrado, a maior parte dos projetos de geração é ligada à fonte eólica: são 524 parques, que representam 88% de toda a oferta de usinas. O presidente da EPE, Mauricio Tolmasquim, destaca que o número de projetos e de capacidade de geração inscritos coloca o Leilão A-3/2012 como o maior entre todos os leilões de energia já realizados no Brasil – e possivelmente no mundo. “O forte interesse de investidores na expansão da geração de eletricidade atesta o quanto atrativo se tornou investir em energia elétrica no País, algo que certamente é fruto da estabilidade proporcionada pelo marco regulatório do setor”, argumenta Tolmasquim.

   Apesar de contar com poucos projetos, a participação de termelétricas a gás natural é relevante em termos de capacidade instalada. Contudo, a confirmação da presença desses empreendimentos depende da comprovação, por meio de contrato, do fornecimento de combustível. Outros documentos serão necessários para que a EPE habilite tecnicamente os 598 cadastrados, entre os quais a licença ambiental prévia e o parecer de acesso à rede de transmissão. O Leilão A-3/2012 tem o objetivo de contratar a demanda prevista para mercado nacional no ano de 2015.


Fonte: Jornal do Comércio - Economia - pág.12 - 19/12/2011


Publicação 19.12.2011 às 08:35
Fundação de Ciência e Tecnologia
Rua Washington Luiz, 675
Porto Alegre - RS. CEP: 90010-460
E-Mail: cientec@cientec.rs.gov.br - SEDE: +55 (51) 3287-2000 Fax: +55 (51) 3226-0207
CAMPUS: +55 (51) 3439-6300
Orçamento
Incubadora Sede
Incubadora Sede

Incubadora

O Departamento de Incubadoras e Extensão Tecnológica foi criado em resposta as políticas nacionais de estímulo à inovação com intuito de promover a aproximação e integração da CIENTEC, principal instituição pública de P&D do estado, com o setor produtivo local. A ele está vinculada a incubadora mult...
Acessar o hotsite
Expediente
Rua Washington Luiz, 675
Porto Alegre - RS. CEP: 90010-460
Horário de Atendimento
Sede: das 8:30 às 12:00 e das 13:30 às 17:00
Campus: das 9:00 às 12:00 e das 13:00 às 16:00
de segunda à sexta.
Contatos
E-mail: cientec@cientec.rs.gov.br
Fone:
SEDE: +55 (51) 3287-2000 Fax: +55 (51) 3226-0207
CAMPUS: +55 (51) 3439-6300
Desenvolvido pela PROCERGS