Fundação de Ciência e Tecnologia
Bem-Vindo!
22 de Fevereiro de 2020, 01:07
Siga-nosCientec RSSCientec no Twitter
Página Inicial  >  Notícias  >  Reajuste promove valorização p
Secretaria do Trabalho e Desenvolvimento Social
Brasão Governo do Estado do Rio Grande do Sul
Imprimir   Fechar
Notícias

Reajuste promove valorização profissional na Fapergs e Cientec após 23 anos

Vinte e três anos sem revisão salarial. Os funcionários da Fundação de Amparo à Pesquisa do Rio Grande do Sul (Fapergs) e da Fundação de Ciência e Tecnologia (Cientec) estavam vivendo essa realidade. Preocupada com uma melhor qualidade de vida, com o fortalecimento do quadro funcional e com uma disputa mais equilibrada no mercado, a Secretaria de Ciência, Inovação Desenvolvimento Tecnológico (Scit) conseguiu aprovar um pacote de benefícios a esses servidores, que inclui nova matriz salarial, adoção do incentivo à qualificação de carreira e restruturação do quadro de empregos permanentes.

Os projetos de lei 26 e 30, que colocam em prática os Planos de Empregos, Funções e Salários (PEFS) das duas fundações proporcionará um aumento de 27,5% para a Fapergs, enquanto a Cientec ganhará 25,77%, reajustes que tornam menor a diferença salarial em relação a outras áreas do Estado. O impacto financeiro nos cofres públicos será de R$ 10,8 milhões por ano – ou 0,021% da receita do Estado, orçada em R$ 51,02 bilhões.

O titular da secretaria, Cleber Prodanov, acredita que a sociedade reconheceu a importância do papel das instituições científicas. "Nenhuma pessoa que queira ter um Estado desenvolvido e uma sociedade mais digna pode negar o papel da pesquisa, da inovação e das fundações como agentes formadores". "As mudanças que a administração estadual está promovendo precisam ser acompanhadas da formação humana. E a aprovação do plano de carreiras é a valorização da qualidade desses profissionais. Investindo em pessoas, solidificamos o desenvolvimento do Estado", acrescenta.

A diretora-presidente da Fapergs, Nádya Pesce da Silveira, comemora a possibilidade de qualificação de carreiras. "Atingir um nível salarial competitivo no mercado garante que os técnicos permaneçam no quadro da fundação por um longo período de tempo". Na matriz anterior, por exemplo, servidores de nível superior recebiam R$ 2.645,83. Agora, passam a ganhar R$ 3.645,58. O pacote também prevê o aumento da força de trabalho, podendo elevar o número de funcionários de 36 para 99.

No caso da Cientec, o diretor-presidente, Luiz Antonio Antoniazzi, explica que a medida cria uma perspectiva de futuro, permitindo a realização de concurso público para recompor o quadro de pessoal. "O estímulo e a motivação aumentam significativamente, melhorando o clima organizacional e favorecendo o atingimento das metas". "A correção também amplia dos atuais 8 níveis para 14, beneficiando os que estavam estagnados há muitos anos no último nível". A matriz salarial de nível superior, que antes era de R$ 2.779, subiu para R$ 3.645. Atualmente, a Cientec tem 243 funcionários ativos.

Desejos realizados
Servidor da Fapergs, Douglas Basso, 70 anos, 38 deles vividos na fundação, aguardava a revisão salarial há mais de duas décadas. Com a nova remuneração, pretende realizar um sonho. "Agora vou poder complementar a quantia em dinheiro necessária para comprar um imóvel. Quando melhora o salário, melhora a projeção de vida das pessoas", conta. Seu Dodô, como é carinhosamente chamado pelos colegas, tem formação técnica em contabilidade e trabalha como tesoureiro no setor financeiro.

Jonathan Vaz Martins Silva, 29 anos, é pesquisador da Cientec desde 2011. Além de poder construir sua casa, o químico e pós-graduado foi incentivado a buscar uma maior qualificação profissional. "O retorno financeiro traz a motivação adicional para procurar um doutorado. E também, finalmente, vou poder começar a construir minha casa no terreno que adquiri recentemente", comemora. A aprovação é uma grande vitória, completa, porque diminui a defasagem salarial em relação a outras fundações estaduais e instituições federais.

Enquanto a carreira de Jonathan está apenas começando, Douglas está há dois anos de se aposentar. Diferenças de idade e de carreiras à parte, ambos poderão realizar o sonho de conquistar a casa e apartamento próprios.

Texto: Gonçalo Valduga/Guérula Viero
Edição: Redação Secom

Publicação 31.03.2014 às 08:05
Fundação de Ciência e Tecnologia
Rua Washington Luiz, 675
Porto Alegre - RS. CEP: 90010-460
E-Mail: cientec@cientec.rs.gov.br - SEDE: +55 (51) 3287-2000 Fax: +55 (51) 3226-0207
CAMPUS: +55 (51) 3439-6300
Orçamento
Incubadora Sede
Incubadora Sede

Incubadora

O Departamento de Incubadoras e Extensão Tecnológica foi criado em resposta as políticas nacionais de estímulo à inovação com intuito de promover a aproximação e integração da CIENTEC, principal instituição pública de P&D do estado, com o setor produtivo local. A ele está vinculada a incubadora mult...
Acessar o hotsite
Expediente
Rua Washington Luiz, 675
Porto Alegre - RS. CEP: 90010-460
Horário de Atendimento
Sede: das 8:30 às 12:00 e das 13:30 às 17:00
Campus: das 9:00 às 12:00 e das 13:00 às 16:00
de segunda à sexta.
Contatos
E-mail: cientec@cientec.rs.gov.br
Fone:
SEDE: +55 (51) 3287-2000 Fax: +55 (51) 3226-0207
CAMPUS: +55 (51) 3439-6300
Desenvolvido pela PROCERGS